Publicações Populares

Escolha Do Editor - 2020

Christopher Buckley, Obamacon

Em uma entrevista com Michael Krasny no KQED em São Francisco, Christopher Buckley revela por que ele provavelmente votará em Obama em novembro (h / t United Liberty):

Eu li os livros de Obama e fiquei impressionado com o quão bom escritor ele é. Eu ficaria tentado a votar nele apenas por esse motivo, porque alguém que escreve bem também, penso, pensa claramente. Agora, Obama é de esquerda. Eu não sou de esquerda. Mas provavelmente vou votar nele com base em sua consideração, minha esperança é que uma vez que ele herda essa bagunça - e vai ser uma bagunça: ele herda um país em guerra e em sua pior crise financeira desde 1929; você tem mesmo certeza, Sr. Obama, que deseja esse emprego? - que seus instintos e sua consideração o levarão a soluções criativas e não ideológicas. Se ele entrar e simplesmente adotar uma agenda de esquerda padrão, aumentando impostos e aumentando tarifas, então acho que estaremos em um problema muito profundo.

Buckley torna explícito o que tem sido uma premissa não declarada de outras pessoas com tendências de Obamacon: consideração ou qualquer capacidade de pensar é uma condição prévia necessária (se não suficiente) para governar bem, ou pelo menos não governar de uma maneira catastroficamente terrível.

Aqui está a entrevista completa, que inclui muito mais de interesse, como uma discussão sobre o último romance de Buckley, Corte Suprema.

O pai de Christopher Buckley, William F. Buckley Jr., também teria sido um Obamacon? Há alguma razão para pensar assim.

Assista o vídeo: One Voice (Fevereiro 2020).

Deixe O Seu Comentário